junho 03, 2013

One More Night - Parte 17

Capítulo 17 - Do not Leave me

" Eu não posso desistir agora, isso não pode ser o certo ... eu não posso ter mais uma noite sem dormir, sem você. "

[...]

Kath P.O.V

Naquele momento tudo ficou paralisado, a única coisa que era possível ouvir era o  tiro que Matt tinha disparado, Jason, no mesmo instante caiu de costas ainda segurando a arma que ele havia usado pra matar Matt. Soltei um grito espontâneo e saí correndo em sua direção segurando sua cabeça antes que a mesma batesse no chão. Estava chorando descontroladamente, eu estava em choque, não conseguia ouvir ou ver mais nada, apenas aqueles olhos cor de mel quase sem vida. Já não eram aqueles olhos brilhantes .. foi então que ele disse: 
J: A gente conseguiu princesa ... eu amo você
Foi tudo que ele conseguiu dizer antes de desmaiasse em meu colo.
Aí ouvi um suspiro, olhei pro lado e vi Matt tentando pegar a arma. Coloquei Jason com cuidado no chão, peguei a arma que ele estava tentando pegar e olhei no fundo dos olhos dele:
K: Desgraçado  e apliquei dois tiros em seu peito e um na sua cabeça  
A: Kath ?  disse incrédulo no que tinha acabado de ver  
   Não dei muita atenção e sai dizendo:
K: Levem Jason imediatamente pra algum lugar, não deixe-o morrer.
     Caminhei até lá fora com as mãos trêmulas e chorando desesperadamente:
W: Kath ?
K: Way  foi a única coisa que disse antes de desmaiar  
W: Legal, agora um morre de um lado, e a outra do outro .. isso que é amor
   Para a sorte dos dois, é que gangsters tem tudo o que precisam, e não seria preciso ir num Hospital e correr o risco de serem presos porque era certeza que iriam perguntar o motivo do tiro. E cá pra nós, eles não ficariam muito afim de falar.

[...]

Kath apenas desmaiou pelo tempo que ficou sem comer, já tinha recebi alta e estava comendo que nem louca. 
K: Como ele está? Eu já posso ir vê-lo?
A: Não
K: Porque? Já tem 6 horas que ele está lá dentro
A: E vai demorar mais .. estão fazendo cirurgia nele para retirar as balas
K: "as balas" ? No plural? Isso mesmo? Mais ...
W: Ele tinha levado um tiro lá fora, mais insistiu em entrar pra te tirar de lá
      Kath não disse nada, apenas chorou.
W: Ele vai ficar bem, calma  disse abraçando-a  
K: Tudo isso aconteceu por minha culpa, se ele está correndo risco de morte, é minha culpa. Eu sou uma burra mesmo, porque eu matei aquele cara
W: Você matou ele porque ele ia matar o Jason. E outra, fique bem porque ele também vai ficar ok?
K: Promete?
W: Prometo .. Vocês vão ter muitas noites selvagens ainda, relaxa.
K: Bobo  disse sorrindo  Eu quero ver ele
W: Calma Kath, não viu o que o Fredo isso? Mais tarde você vai lá, é só esperar.

Way P.O.V

Prometo!
Aham, até eu estou com medo de algo acontecer com ele, mais preciso ser forte, pra Kath ficar forte.
Só eu sei o quanto esses dois se amam, nunca vi Jason gostar tanto de uma garota como ele gosta dela. O máximo foi 1 mês com uma garota, até ela descobrir que ele é um gangster, ele sempre fica com as "inocentes", ele não curte ficar com as garotas do nosso nível, se é que entendem.
Por isso que quando as garotas descobrem, terminam com ele ou vice-versa. 
Mas com Kath foi e é diferente, com ela, ele teve a liberdade de falar um pouco sobre sua vida e ela não sentiu medo nenhum. Pelo contrário, isso só aumentou a vontade de ficar com ele.
W: dormiu Kath?
K: não  disse ela deitada no meu colo  
W: Como você teve coragem de vir morar com o Jason sabendo que ele não é um garoto como os outros?
K: Seria porque eu amo ele? haha
W: Pode ser, mais foi muito pouco tempo pra "amar" alguém
K: Aham, e precisa de tempo pra você saber que ama alguém? Primeiro que eu tive uma atração por ele, aí ele começou a ir lá todas as noite haha e chegou num ponto de ter ciúmes dos outros caras
W: Sério?
K: Sim, ele já bateu num cara lá haha ele é louco. Aí a gente brigou esse dia e falei que não ia mais dançar pra ele só que ele chamou a Jan e se fez de coitado. Aí subimos e ficamos gritando um com o outro até ele me calar com um beijo *-* aí eu confirmei o que sentia por ele
W: Que romântico haha
K: Seu sem graça .. fica falando com esse tom porque nunca se apaixonou
F: Aí é que você se engana
K: Então ele já se apaixonou?
W: Fica na sua Alfredo
K: Calma .. porque não fala pra mim sobre isso?
W: Não gosto de tocar nesse assunto, é chato
K: Vocês terminaram? Ela descobriu que você era um gangster? Olha, eu posso ajudar nisso .. as pessoas falam que sou boa nesse assunto, então eu..
W: Não, você não pode ajudar porque você não tem o poder de ressuscitar alguém.  sai de lá e fui pro quarto, precisava ficar sozinho  
K: Sou uma idiota mesmo, não sei ficar calada.
A: Relaxa, vai ficar tudo bem
K: Preciso dar uma volta



Kath P.O.V

   Eu já estava saindo quando um cara alto e de boa aparência adentrou a sala:
A: Doutor?
Dr.: Jason precisa de sangue
  Aquilo me matou por dentro .. 
K: E se não conseguirmos a tempo?
Dr.: Será tarde demais, eu sinto muito
A: Droga!
K: Eu sei quem pode nos doar esse sangue
A: Como assim? É sangue O-, difícil encontrar
K: Não pra quem tem um irmão gêmeo
   Tomei um banho e me arrumei.
Peguei minha bolsa e pedi o carro do Alfredo:
K: Preciso do seu carro
A: Se você conseguir tirar aquelas balas dele
K: WAY ACORDA!
W: que foi?  disse assustado  
K: Preciso do seu carro
W: Tá louca? Nunca vou emprestar o meu carro pra você
K: Você prefere ver Jason morto do que me emprestar essa droga de carro?
W: As chaves estão na mesa da cozinha
   Imediatamente as peguei e disse que qualquer coisa dava notícias.
Acho que estava o dobro da velocidade permitida, mas por sorte, me lembrei exatamente onde o tal do Justin morava. Bati e bati na porta sequente mente e uma garota abriu, nem liguei pra isso porque vi ele sentado no sofá e já fui entrando:
menina: Heeey
K: Justin
JB: Kath?  disse sem entender o porque de eu estar ali  
K: Eu preciso de você
menina: Quem é ela, Justin?
K: Desculpa tá? Você deve ser a namorada dele e eu agi como louca entrando assim, mas é que eu realmente preciso de você Justin, só você pode ajudar o meu namorado
JB: Como assim?
K: Vocês são irmãos
JB: WHT?
K: É sério .. porque se não fossem, não iriam se parecer tanto. Jason, que é meu namorado, foi adotado. E naquele dia que você me atropelou juntei todas as peças e sim, vocês são irmão  procurei algo em minha bolsa e continuei  Toma, esse é o Jason, preciso de você. Ele está morrendo e precisa de sangue em menos de 24 horas, caso contrário... e-ele   não consegui mais falar, apenas chorei descontroladamente  
JB: Ele morre?
K: É  já estava sem forças pra falar, ele me abraçou e continuou  
JB: Vai ficar tudo bem. Eu realmente queria saber detalhe por detalhe, mas não temos tempo. Eu vou te ajudar.
K: Obrigada Justin, obrigada
JB: Vem comigo Amber?  a garota assentiu que sim e fomos no carro em que estava pois não tinha condições de dirigir  
Demoramos um pouco mais do que da vez que fui.
Mas assim que chegamos conversamos com o médico e Justin saiu pra alguma sala.


[...]


K: Você acha que vai dar certo?  perguntei pra Alfredo  
A: Claro que vai, tem que dar certo  ele me abraçou e eu chorei, mas uma vez.  
   Estávamos todos angustiados de esperar, até que Justin apareceu:
JB: Eu preciso ir pra casa, meus pais chegaram de viagem. Me liga ... eu preciso saber sobre ele, essa história dele ser meu irmão, somos idênticos cara  ele sorriu  sempre quis conhecer ele. Valeu mesmo.
K: Justin  disse, fazendo-o olhar pra mim  
JB: Oi ?
K: Obrigada, obrigada por tudo.
JB: Você é incrível. Jason tem muita sorte de ter uma namorada como você.


K: Valeu
       Só então eu pude perceber quão lindos eram seu olhos cor de mel e seu sorriso branco... O Justin é perfeito, sua pele de bebê .. o jeito de falar. Aqueles olhos, sim, preciso falar deles novamente. Eles são os mais lindo que já vi.


Amores, entrem nesse link [aqui] e acompanhem uma fic que estou postando no AnimeSpirit, se chama Worldwide e quando postei no Blog ela deu muitas visualizações e comentários. Beijos !

Continua!

Anna, vem aqui me dar um abraço agora *----* também tenho insônia kkk isso é horrível né? Enfim, já está passando e eu não desejo essa dor nem pra um inimigo, muito menos vou querer você com ela. Beijo sua linda *-* vou te roubar pra mim :3


Cadê os comentários?

5 Comentários

Amores, ajudem a Divulgar a Imagine com seus amigos :D É muito importante uma "escritora" ter suas IBs reconhecidas *-*


  • Deixem abaixo o Twitter de vocês para eu mandar os capítulos seguintes.
  • Sejam sinceras nos comentários por favor haha É melhor eu saber a verdade do que escrever algo ruim.
  • Coloquem seu Blog nos comentários que eu irei divulgá-los nos capítulos.

     

4 comentários:

  1. *ooooooooooooo*
    No coments, just: IT'S PERFECT A LOT <3
    CONTINUA, DANIIIIIIIIIIIII, POR FAVOOOOOOOOOOOOR!!!
    Vc tá melhor, bb? Diz que sim, pfvr u.u se não vo aí fazer melhorar u.u super poder de filha de Apolo - sqn mas vo tentar kkkkk

    ResponderExcluir
  2. Vc quer me matar com essa foto no Justin no final???????????? O capítulo ta perfeito, to amando demais!! Continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  3. geovana coelhojunho 03, 2013

    tah perfeitoo prima,euu ameii,parabens voce tem muita criatividade

    ResponderExcluir
  4. ownn que perfeito :)) o Justin é tão .. sz
    continua ??
    by: Ana Paula Oliveira

    ResponderExcluir

Beijos e até o próximo capítulo *-*

Copyright © 2013 | Design e Código: Amanda Salinas | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal