maio 30, 2013

One More Night - Parte 15

Capítulo 15 - The sequestration (parte 2)


" Eu nunca sobreviverei sem você, eu não posso descansar, porque que eu preciso é de você e eu. "


XX: Procura por isso gata?
K: Matt ?
M: Memória boa em gata! Vem com o papai aqui, senão as coisas serão piores
K: Seu verme  falei cuspindo em sua cara  
M: Levem ela  ele ordenou para um de seus capangas.  
     Um homem com uns 2metros de altura me pegou e me colocou dentro do carro.




K: ME SOLTA, ME SOLTA.
M: Ninguém mandou você ser mal educada. Agora quem vai cuidar de você, será o papai aqui.

              Matt conseguiu levar Kath.
No dia seguinte, um de seus capangas colocou sua aliança num envelope e mandou pra Jason.
W: Jason, esse está no seu nome
      Quando ele abriu:
J: Essa não .
W+F: Que foi?
J: O anel da Kath .. e aqui diz

"E aí senhor fodão.                                                                                       Achou que iria se dar bem?                  Pois é, estava muito enganado. Ninguém mandou de meter onde não devia com a vadia da sua namoradinha. Você deve estar se perguntando onde está ela né? Enfim ela está amarrada ali no meu quarto, em cima da minha cama.. toda gostosinha só pra mim.Perdeu meu amigo, eu vou foder com ela todinha, e quando eu não tiver mais a fim de usá-la, darei um fim nela e jogarei seu corpo sem vida dentro da sua amada Ducati.                                                     Dê adeus pra Katherine, veado."
F: Oh my God .
J: Eu juro que mato esse desgraçado. Se a Kath tiver um arranhão sequer, eu acabo com a vida de cada um deles.

Jason P.O.V

Eu juro que mato todos eles, um por um.
Entrei em meu carro buscando por uma pista, eu preciso encontrar ela.
Way e Fredo estavam em algum lugar fazendo o mesmo, e nós vamos por um fim nisso tudo.


Só de pensar que minha pequena estava nas garras daquele infeliz, o ódio aumentava. Desgraçado, ele vai me pagar bem caro por isso, nem que eu precise ir no inferno, mais eu acabarei com a vida dele.
Eu posso morrer, ser preso .. enfim, mais que nada aconteça com minha Katherine, senão a coisa vai ficar feia.

[...]

Enquanto isso no "esconderijo" de Matt:
M: Gostosa ... onde está você?  ele entrou em um quarto e lá estava ela, dormindo.  
          Katherine chorou tanto, ao ponto de acabar dormindo. Matt, não achou nada mal. Entrou, trancou a porta e foi pra cima dela:
M: Hey gata, acorde  disse cheirando seu pescoço e fazendo ela acordar  
K: SAI DE CIMA DE MIM SEU VERME
M: Epa. Seja educada que nada te acontecerá. Já mandei avisar seu namoradinho, e assim que eu fizer tudo o que quiser com você, te mandarei para o quinto dos infernos.
K: Desgraçado!!! Você vai se arrepender por isso .. Jason vai te achar e...  antes de terminar, foi interrompida pela risada debochada de Matt  
M: Se caso ele tenha a sorte de me achar, matarei ele antes dele te ver querida.
K: Você não conhece o Jason. Você está ferrado cara .. se eu fosse você, me soltaria nesse exato momento.
M: "se fosse" Não é. E outra, vai adiantar de que? Tenho mais homens que ele e ele não iria chamar a polícia.
K: Já ouviu falar em denúncia anônima? Seu infeliz. Porque em? Porque me sequestrar?
M: Jura que não sabe o porque? Deixe-me refrescar sua memória ... Carlos, lembra bem dele né vagabunda? Ele era meu irmão, você matou o meu irmão sua piranha, e você pagará caro por isso, muito caro.
K: Eu não tenho medo de você, nenhum pouco sequer. Você é um monstro, e a única pessoa aqui que vai pro quinto dos infernos, será você. Panaca!
M: Nossa, não tinha reparado como você está sexy com esse pijama. Você é gostosa mesmo, Jason tem sorte de poder te comer todo dia .. vem aqui delícia
     Matt puxou Kath em cima de seu colo e ficou passando as mãos por todo seu corpo:
M: Essa sua boca carnuda me exitou .. paga um pra mim
K: VERME!!! SEU DESGRAÇADO.. Eu nunca tocarei minha boca em você seu infeliz. Me solta, me solta, me solta, me solta!!!



M: CALA A BOCA!! Chega de ficar gritando porque ninguém aqui é surdo. O que eu mandar você fazer, é pra fazer. Ok? Faz calada o que eu falei. Não venha reclamar, gritar ou me bater porque não vai adiantar em nada.
K: Não coloque essas suas mãos sujas em mim.
M: Ah é? Vai fazer o que em vadia?
K: Isso  disse ela dando um chute no meio de suas pernas  
M: VAGABUNDA!
     Katherine saiu correndo mais um dos capangas de Matt à pegou no colo e levou ela pro porão, colocando uma fita em sua boca e amarrando-a.

[...]


J: Conseguiram alguma pista?
A: Nada :/ e nem sabemos mais onde mais procurar.
       Os meninos estavam tentando pensar em algo quando o telefone de Jason tocou...

Desculpem me pelo capítulo ter ficado tão pequeno. Meu ouvido está doendo desde ontem e hoje está o triplo de dor, nem consigo mastigar :'( enfim, amanhã tento fazer um maior. 
Continua!



6 comentários? Own minhas princesas, amo vocês.

5 Comentários

Amores, ajudem a Divulgar a Imagine com seus amigos :D É muito importante uma "escritora" ter suas IBs reconhecidas *-*

  • Deixem abaixo o Twitter de vocês para eu mandar os capítulos seguintes.
  • Sejam sinceras nos comentários por favor haha É melhor eu saber a verdade do que escrever algo ruim.
  • Coloquem seu Blog nos comentários que eu irei divulgá-los nos capítulos.

     

4 comentários:

  1. perfeito continua pfvr

    ResponderExcluir
  2. AMEEIII, continua, por favoooor!!!
    Ain, anjo, melhora, n quero te "ver" com dor assim! já foi no médico ver isso? se não, vá logo!!!
    te amo, se cuida, irmã!

    ResponderExcluir
  3. Melhoras Dani! Ta perfeito, eu to amando, continuaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  4. COOOOONTINUA PLMDDS!

    ResponderExcluir

Beijos e até o próximo capítulo *-*

Copyright © 2013 | Design e Código: Amanda Salinas | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal